Posts By :

Marcela Lisbôa

Marcela Lisbôa

Marcela Lisbôa

As buscas por voz são uma tendência

Pesquisa por voz: otimize seu site

1920 1080 Marcela Lisbôa

Você, que tem um celular em mãos, provavelmente conhece – e até já usou – a pesquisa por voz. “Ok, Google” ou “E aí, Siri” são frases que estão fazendo parte das nossas vidas de forma frequente quando queremos fazer uma pesquisa rápida ou encontrar a resposta para uma dúvida.

O número de buscas por voz está crescendo em todo o mundo e chega em 2019 como uma tendência forte do marketing digital. Afinal, os usuários estão mudando a forma como utilizam os buscadores e isso impacta diretamente nos resultados que eles encontram.

Isso acontece porque, quando realizamos uma pesquisa por voz, utilizamos expressões de conversação. Enquanto isso, nas buscas digitadas, costumamos pesquisar por palavras-chave, excluindo elementos textuais.

Olha só esse exemplo simples: Digamos que eu queira me planejar para o Natal. Rapidamente, posso perguntar ao Google em uma pesquisa por voz: “Quando é o Natal?”. Mas, se eu for digitar, provavelmente irei cortar algumas palavras e apenas buscar por “Natal 2018”. Em ambas as buscas, o Google me mostrou em qual dia da semana será o Natal. Porém, nos resultados da pesquisa, os links encontrados foram diferentes. Faça o teste aí!

Essa variação na pesquisa também pode impactar a forma como o seu negócio é encontrado. Porém, você pode lidar com isso de forma estratégica, por meio de técnicas e ferramentas, e garantir que mais pessoas cheguem até você. Inclusive, temos três dicas para você começar:

Use SEO e otimize para pesquisas por voz

Otimizar o seu site é primordial. Afinal, como você viu no exemplo, não basta ter palavra-chave quando se trata de busca por voz. Então, apostar em um texto consistente faz toda a diferença.

Outro fator para considerar no seu SEO é que as pesquisas por voz tendem a apresentar perguntas nas frases. Logo, conhecer as perguntas do seu segmento e oferecer respostas para elas pode melhorar o seu ranqueamento. Quer mais uma dica? Utilize a ferramenta Answer the Public para descobrir as perguntas. Nas nossas estratégias de marketing da Prod, sempre consultamos essa ferramenta para identificarmos possíveis caminhos para o nosso trabalho.

É importante lembrar também que o código do site é parte integrante do seu SEO. Por isso, mantenha-o limpo, organizado e estruturado para os mecanismos de busca.

Esteja no Google Meu Negócio

O Internet Trends Report de 2016 apontou que 22% das pesquisas por voz eram relacionadas a conteúdo local.

Então, ao tratarmos de proximidade, não há melhor maneira de aparecer no Google do que utilizando o Google Meu Negócio. Afinal, ele exibe todas as informações mais relevantes do seu negócio para que o usuário entre em contato ou visite o seu estabelecimento. Mas é importante que a sua conta esteja perfeitamente configurada e, assim, apareça como resultado das buscas certas.

Tenha um site responsivo

Uma vez que grande parte das buscas por voz são realizadas por mobile, é imprescindível que o seu site seja responsivo. Além disso, o Google considera como fator de ranqueamento o quesito mobile friendly.

O que você achou das estratégias que apresentamos? A Forbes apontou um dado da ComScore que prevê que, até 2020, cerca de 50% das buscas serão realizadas por voz. Ou seja, está mais do que na hora de pensar e trabalhar com esse tipo de pesquisa.

Nós já demos algumas dicas de como começar, mas, se você quiser mais detalhes, que tal entrar em contato com a gente? Com certeza ainda falaremos bastante sobre essa tendência!

O Natal é uma das épocas mais esperadas do ano!

Marketing Digital no Natal: 6 estratégias para aumentar as vendas

1920 1080 Marcela Lisbôa

O Natal é uma das épocas mais esperadas do ano! Com um grande apelo sentimental, a data também aquece o comércio. Inclusive, o Natal pode contribuir para que muitas empresas atinjam suas metas de lucro anuais. Prova disso é que, em 2017, o SPC Brasil estimou que o gasto médio dos brasileiros com todos os presentes de Natal foi de aproximadamente R$ 461,91. Então, imagina só se boa parte dos seus clientes decidem comprar os presentes de Natal com você! Mas, com empresas de fortíssima presença digital disputando vendas com você, será necessário planejar-se bastante. Só assim você convencerá seus clientes de que eles podem realizar uma boa compra no seu negócio. Assim, investir no marketing digital no Natal e estar nos mesmos canais que seus concorrentes pode definir o seu sucesso de vendas.

No entanto, para desenvolver uma boa campanha de marketing digital no Natal, é preciso começar cedo. Muitas empresas começam a se organizar já no início do segundo semestre. Até porque, com as datas quentes do período, como o Dia do Cliente e a Black Friday, já é possível colocar algumas estratégias em prática. A captação de leads é um bom exemplo disso. Aliás, esse é um dos muitos benefícios que o marketing digital traz para o Natal. Quer descobrir outros? Vamos lá:

Anuncie a sua campanha de Natal

Com o Face Ads e o Google Ads, impactar as pessoas certas com os seus produtos e promoções é muito mais fácil.

Por isso, reservar um budget para a data também deve fazer parte do seu planejamento de marketing digital de Natal.

Mantenha contato direto com os seus clientes

Ter uma presença ativa no ambiente digital é extremamente importante para o seu negócio, certo? E, no Natal, isso é ainda mais necessário! Afinal, apesar de ser uma época de boas vendas, também é tempo de concorrência.

Assim, mostrar para os seus clientes que você está pensando neles e que preparou ótimas promoções é essencial para levá-los até a sua loja.

Utilizar redes sociais, e-mail marketing e post notifications são algumas das formas de se aproximar dos consumidores e deixá-los atualizados sobre o que está rolando com a sua marca durante o Natal. Então, aposte nessa estratégia!

Ofereça um atendimento rápido e inteligente

Responder mensagens, avaliações, dúvidas e resolver problemas dos seus consumidores mostra a dedicação da sua marca em satisfazer o cliente. É por isso que o atendimento é considerado um fator decisivo de compra.

Atualmente, muitas empresas que atuam online investem nos chatbots para realizar o atendimento. Assim, o processo torna-se prático, rápido e inteligente ampliando o relacionamento com o cliente.

Durante o Natal, você deve atentar-se ainda mais ao atendimento ao cliente, pois, com o aumento do fluxo de vendas, é natural que as mensagens nas suas plataformas digitais também aumentem. Então, nada de deixar o seu cliente com dúvidas e preocupado com as compras de Natal dele, ok?

Faça promoções especiais de Natal

Promoção. Está aí uma palavra poderosa! Ao trabalhar com o marketing digital no Natal, você amplia as possibilidades de promoção para oferecer aos seus clientes. Que tal fugir o velho “pague 1 e leve 2”, ou ainda “compre e ganhe”?

As redes sociais oferecem boas oportunidades de ações promocionais. Porém, é necessário que você preste atenção nas políticas de uso para não infringir regras e ter a sua conta bloqueada ou até excluída.

Cupons de desconto e promoções especiais enviadas por e-mail marketing também são uma ótima forma de estimular a conversão de venda.

Viu só? Você pode inovar e realizar promoções incríveis, basta planejar-se e investir no marketing digital no Natal!

Tenha diversas formas de pagamento

Você comercializa pela internet? Vender online inclui oferecer diferentes formas de pagamento, já que este é outro fator decisivo de compra.

Assim, com o aumento das vendas no Natal, é interessante facilitar a conclusão da compra para atender o maior número de clientes possível. Diversos negócios, por exemplo, contam com o PagSeguro ou o PayPal, garantindo mais opções e segurança na transação.

Então, vale considerar como parte da sua estratégia de marketing digital a melhoria do sistema de pagamento, a inclusão de novos métodos e, até mesmo, uma política de juros diferenciada.

Aposte no pós-venda com o marketing digital no Natal

Muitos negócios finalizam o processo de compra com a venda concluída. Mas esperamos que o seu não seja um deles.

O pós-venda é uma estratégia imprescindível! Ao trabalhá-la com o marketing digital, você pode incluir ferramentas como redes sociais e e-mail marketing para conferir a satisfação dos seus clientes com a compra.

Além disso, o pós-venda também é uma oportunidade de vender de novo. Então, o que você acha de aproveitar o clima natalino para presentear o seu cliente com mais um desconto? Ou oferecer outros produtos que ele estava de olho e não levou?

O marketing digital pode te levar a vender muito mais no Natal, de inúmeras maneiras. Você já adotou alguma dessas estratégias que mencionamos?

Não deixe de traçar o seu planejamento e ferramentas para surpreender os consumidores nessa época e fidelizá-los. Assim, as chances deles voltarem a comprar com você em 2019 serão muito maiores.

Novas ferramentas de anúncio integram o Google Ads

O que mudou do Google Adwords para o Google Ads?

1920 1080 Marcela Lisbôa

Quem trabalha com ads no Google já deve ter notado que a plataforma mudou de Google Adwords para Google Ads. Além do nome, alguns detalhes também estão sendo aprimorados e farão toda a diferença para os novos anúncios na plataforma.

Essa mudança veio acompanhada de outras novidades no Google, como a junção das ferramentas Google Analytics 360 e DoubleClick Digital Marketing, dando origem ao Google Marketing Platform.

Com isso, o Google pretende otimizar as campanhas de ads e oferecer novos e práticos recursos. Tudo para facilitar a colaboração entre os profissionais e a execução de campanhas.

Quer saber como tudo isso vai ser possível com o novo Google Ads? Vamos te apresentar algumas mudanças significativas!

Novidades do Google Ads

Campanhas Smart: A utilização do machine learning otimizará o tempo de criação de uma campanha. Além disso, ele também tornará os ads mais eficientes e personalizados. Essa mudança deve facilitar, principalmente, a criação de anúncios para pequenos negócios.

Texto Expandido: Os novos limite de caracteres e campos de texto ajudarão na criação de um conteúdo de qualidade. Além de adicionar mais um título, também é possível criar uma segunda descrição. Assim, o ads poderá apresentar outras informações aos usuários e terá mais chances de convertê-los.

Novos formatos: Além dos formatos tradicionais, agora com a campanha Smart é possível o uso de display e pesquisa juntos. Assim, com o histórico de campanha, a ferramenta exibirá o melhor tipo de anúncio para impactar o usuário.

Facilidade, otimização e eficiência são as palavras que devem acompanhar o novo Google Ads e melhorar sua estratégia de digital. Afinal, não dá para não anunciar no Google e perder o melhor ranqueamento nas pesquisas. Então, aproveite as novidades para atrair mais consumidores qualificados e conseguir vantagem no mercado.

Nós já estamos testando a campanha Smart. Então, logo poderemos analisar o seu desempenho para te contar com detalhes como funciona essa opção do Google Ads.

10 dicas do que fazer para arrasar na Black Friday

Black Friday: dicas essenciais para vender mais

1920 1080 Marcela Lisbôa

A Black Friday é uma data sazonal de grande importância para o comércio. Prova disso é que as vendas realizadas na data estão em constante crescimento ao longo dos anos. Em 2018, a Black Friday vai acontecer no dia 23 de novembro, na última sexta-feira do mês. Você já se programou para a data?

Já falamos, aqui no blog, sobre a importância do marketing digital na data e sobre como planejar a sua campanha de Black Friday. Então, se você ainda não leu estes conteúdos, está mais do que na hora de tirar um tempinho para aprofundar-se no tema. Mas se você já leu todos os conteúdos e chegou até aqui, agora vai conhecer alguns itens que merecem a sua atenção neste momento.

Afinal, não é só um bom planejamento que faz com que você tenha sucesso na Black Friday. Assim sendo, nesse momento de grande visibilidade, adotar boas práticas é essencial para preservar a sua empresa de falhas. Vamos lá?

Dicas para fazer sucesso na Black Friday

1. Ofereça promoções de verdade. Afinal, enganar o seu cliente com falsas promoções ou descontos superficiais pode sair caro para a sua imagem;

2. Ofereça vantagens exclusivas como brindes, frete grátis, packs e outras;

3. Avalie os dados da Black Friday anterior para planejar melhor;

4. Comece a sua campanha com antecedência para preparar os seus clientes e ganhar visibilidade;

5. Divulgue a mesma campanha em todos os canais. Assim, compare as informações antes de divulgar para evitar erros;

6. Agende as suas campanhas de e-mkt e social media para ter mais tempo de acompanhar os resultados simultaneamente;

7. Atualize seus softwares e sistemas antes do grande dia e certifique-se de que tudo está funcionando perfeitamente;

8. Facilite o processo de compra em poucos passos;

9. Tenha formas de pagamento variadas para não perder uma compra;

10. Programe a sua logística para a Black Friday e evite atrasos nas entregas.

A Black Friday é uma excelente oportunidade para o seu negócio, por isso, não deixe essa data passar em branco. Afinal, ainda dá tempo de programar-se para a próxima e nós estamos aqui para mostrar as melhores formas de alcançar o sucesso nesta data. Então, agora que você tem todas essas dicas em mãos, qual será o seu próximo passo para a Black Friday? Conte para nós!

Estratégias para uma campanha de sucesso

Black Friday: estratégias para uma campanha de sucesso

1920 1080 Marcela Lisbôa

O planejamento é um ponto chave para ter êxito no marketing digital do seu negócio na Black Friday. Por isso, faça-o com antecedência e tenha sempre em mente os objetivos da sua marca. Assim, ficará fácil analisar os resultados e agir antes, durante e depois da BF para ter uma campanha de sucesso. Nesta etapa, é necessário considerar os seguintes pontos:

Persona

Definir a sua persona é uma regra básica de qualquer planejamento e durante a Black Friday não é diferente. Por exemplo: Se você trabalha com produtos ou serviços específicos, fica muito mais fácil converter uma compra quando oferece para os consumidores que têm afinidade com a sua área. Então invista na conquista de leads qualificados!

Canais

A internet oferece tantas opções para entrar em contato com o público que dá até para se perder, né? Por isso, ter foco nos canais certos é muito importante! Nós separamos algumas formas de divulgar a Black Friday que não têm erro:

  • E-mail: O e-mail marketing está presente em todas as etapas do relacionamento com o cliente e do processo de compra! Então não dá para deixá-lo de fora das suas estratégias de Black Friday. Afinal, com ele, é possível caminhar com o usuário até o carrinho de compra, realizar remarketing, enviar promoções, descontos especiais e cupons. Recomendamos que você entenda melhor o uso dessa poderosa ferramenta aqui!
  • Social: Estar nas redes sociais é importante, mas mais importante do que isso é estar nas redes sociais certas para a sua marca! Invista nas plataformas onde a sua persona está presente e lembre-se de falar a mesma língua em todos os perfis e canais onde você estiver. Assim, você poderá engajar os usuários nas suas promoções, divulgar com consistência e ter canais de relacionamento fortes durante a Black Friday. A gente até separou um conteúdo aqui para te orientar melhor.
  • Mídias pagas: Os anúncios pagos são importantes para garantir destaque para as suas promoções e atrair consumidores. Eles estão presentes tanto nas redes sociais como nos buscadores e irão alavancar a sua Black Friday. Mas lembre-se: investir em mídia paga requer planejamento estratégico e direcionamento certeiro para ter bons resultados. Dá uma olhada aqui para pegar algumas dicas sobre ads!

Mobile first

A maior parte dos acessos e buscas são realizados por dispositivos mobile. Então não podemos ignorar essa realidade. Por isso, oferecer uma experiência positiva, responsiva e funcional é essencial. O seu site precisa estar pronto para receber usuários que navegam de um smartphone, seja por wi-fi ou redes móveis. Integrar o UX design às suas plataformas e estratégias vai te permitir focar também no mobile. Afinal, esse fator pode te colocar à frente dos seus concorrentes ao oferecer uma experiência diferenciada. Aqui no blog, você também pode ler mais sobre isso.

Tecnologias web, soluções antifraude e sistemas para a Black Friday

A Black Friday demanda muito do seu site, pois o volume de vendas e acessos pode sobrecarregá-lo. Além disso, o alto número de troca de dados e transações precisa estar protegido. Se o contrário acontecer, uma loja pode acabar se queimando na Black Friday. Um e-commerce sem SSL, por exemplo, será um grande fiasco e a gente explica melhor sobre isso aqui.

Omnichannel

O varejo está caminhando para a tendência do omnichannel e você precisa acompanhá-la! Assim, todos os seus canais poderão convergir e oferecer uma experiência muito mais completa para o usuário. Desta forma, as lojas podem explorar diversas formas de interação entre os canais off e on e utilizar de forma mais inteligente os dados do consumidor.

Um de nossos clientes do mercado hoteleiro participou da Black Friday de 2017. Nós criamos uma campanha focada em e-mail marketing e redes sociais. Além disso, também trabalhamos com a identidade de todos os canais para reforçar a promoção. Desta forma, somente no dia da Black Friday, se comparado ao ano de 2016, aumentamos os acessos ao site em mais de 60%!

Assim, vai ser muito mais fácil aproveitar todas as vantagens do marketing digital na Black Friday, como falamos neste texto aqui. Inclusive, se você quiser se preparar melhor para este momento, recomendamos que continue de olho aqui no blog. 😉

Ah, e você percebeu que precisa melhorar ou incluir algum dos itens que falamos aqui? Conte para nós!

Pesquisa prevê aumento de 15% nas vendas da Black Friday

Black Friday: a importância do marketing digital

1920 1080 Marcela Lisbôa

Você é do time que não pode ver uma boa promoção que já está comprando? Pois é, a promoção é um dos principais fatores motivacionais no processo de decisão de compra. É justamente por isso que a Black Friday é um sucesso.

A Black Friday surgiu nos Estados Unidos, mas atualmente acontece em diversos países. No Brasil, a primeira BF aconteceu em 2010, online. Assim, todos os anos ela se repete, caindo geralmente na última sexta-feira de novembro.

Com o sucesso da data, a cada ano mais empresas têm aderido à ela e ofertado diversas promoções para alavancar as vendas. Neste dia, os descontos chegam a até 90% do valor dos produtos. Desta forma, a Black Friday traz muitas oportunidades para um negócio, alto volume de vendas, esgotamento e renovação de estoques e lucro garantido.

Para 2018, a pesquisa da Ebit|Nielsen estima que as vendas aumentem 15% se comparadas ao ano passado, faturando cerca de R$2,43 bilhões somente no comércio eletrônico.

Este número só é possível por conta das estratégias de marketing digital que estão cada vez mais elaboradas e planejadas para essa data comercial tão importante. Então, se você pretende se aventurar na Black Friday para vender mais, deve investir pesado em uma boa campanha de marketing. Afinal, uma comunicação eficaz e de longo prazo te trará muitos benefícios:

Vantagens do marketing digital na Black Friday

Visibilidade: Uma loja só conquista novos clientes quando passa a ser conhecida e desperta o interesse das pessoas. Então, investir em formas de ganhar visibilidade durante a Black Friday é imprescindível para o sucesso.

Autoridade: Ser reconhecido como um bom negócio pelo comprometimento, veracidade e boas ofertas influencia os consumidores a comprarem com você e te indicarem para outras pessoas. A Black Friday é um bom momento para construir a sua autoridade por meio de descontos de verdade. Ah! E um atendimento ao cliente de primeira também faz diferença!

Novos leads: Capturar novos leads tem tudo a ver com ter visibilidade e autoridade! Afinal, esses fatores são fundamentais para que as pessoas se interessem pelo seu negócio. Assim, não deixe de pensar quem é o seu público ideal, que se identificariam com a marca, produtos ou serviços.

Clientes: Receber novos clientes durante a Black Friday e deixá-los felizes com a experiência de compra é um grande passo para fidelizá-los. Assim, você fará com que eles voltem à sua loja mais vezes. Desta forma, dá para aumentar seu fluxo de vendas mesmo após a data.

Aliás, os benefícios que você acabou de ler não são restritos apenas à Black Friday. Eles acompanharão a sua marca ao longo da sua existência e, por isso, precisam de uma atenção especial. Se você investir em um bom marketing digital em um momento sazonal, potencializará a sua presença de mercado.

Continue de olho aqui no blog, porque temos muito mais para falar sobre a Black Friday! E, se você precisa de um trabalho especializado, é só entrar em contato com a gente! 😉

O Design Thinking como processo de inovação

1920 1080 Marcela Lisbôa

O Design Thinking é um conceito poderoso de soluções criativas para resolução de problemas. Uma metodologia que busca interação de forma coletiva e colaborativa. Assim, o fator humano é o centro do desenvolvimento e todos contribuem para que a solução seja alcançada: desde a equipe de trabalho até os clientes ou usuários finais.

Pilares do Design Thinking

Quer conhecer mais sobre o Design Thinking? Então, comece pelos seus três importantes pilares:

Empatia: É preciso ter um relacionamento próximo com o seu público-alvo ou cliente, conversar pessoalmente e colocar-se no lugar deles.  Assim, você criará empatia pelos seus problemas e dificuldades e pensará em como contribuir com eles da melhor forma. Esse é o papel dos nossos gerentes, que buscam vivenciar e entender as dores dos clientes e transformam suas ideias em soluções criativas.

Colaboração: Pensar em conjunto, compartilhar informações e cocriar constroem a colaboração no Design Thinking. Assim, a visão e o entendimento do processo se expandem. Além disso, o próprio cliente tem voz ativa no projeto e é capaz de transformá-lo. Para isso, utilizamos as reuniões kick-off com clientes, para entender melhor a essência dos projetos e, após isso, os Sprints, que são reuniões rápidas para organizar as etapas, definir metas, fluxos de trabalho e também prever gargalos que podem surgir durante o projeto.

Experimentação: Os testes são essenciais para evitar problemas futuros. Desta forma, é possível diminuir a margem de erros e garantir que a sua solução terá um valor agregado e que será, de fato, eficaz para aquele problema em questão. Vale lembrar aqui a importância dos Sprints, que são feitos semanalmente na Prod, em que uma das etapas são os testes. No fim, você terá moldado a peça ideal.

Esses pilares são trabalhados dentro das etapas do Duplo Diamante, uma metodologia do Design Thinking que facilmente pode ser aplicada também às campanhas de marketing digital. Vamos conhecer uma a uma?

Entendimento

Conhecer o seu negócio, o seu público e o mercado em que atua é fundamental para propor inovações. Então, que tal verificar em que ponto da jornada ele está, utilizar análise SWOT, realizar benchmarks e pesquisas para saber exatamente como você pode criar soluções que sejam incríveis para todos? Vale também se aproximar dos clientes para entender o que eles buscam, pesquisar sobre a sua marca e o mercado, fazer análise de big data e observar (muito) os contextos. Assim, foque na experiência que você deseja proporcionar!

Observação

Com as informações e dados que você colheu no processo de entendimento, poderá identificar com clareza o problema que precisa resolver. É o momento de aprofundar a sua empatia para absorver a essência do cliente e dos dados.

Ponto de vista

Como a etapa anterior pode fornecer diversas informações e possibilidades, você precisa ter foco para identificar quais são as dores que deseja solucionar. Tem duas dicas boas para essa etapa: definir o seu público-alvo, pois assim você pode filtrar suas pesquisas; e buscar um ponto de vista com a sua equipe, realizando um brainstorm.

Ideação

Haja criatividade para passar pela etapa das ideias! Afinal, só assim você poderá encontrar boas soluções para as necessidades apresentadas pelo seu público. Então pense nas possibilidades e nos resultados que elas podem gerar. Para isso, você pode realizar uma nova reunião de brainstorm com sua equipe, seguindo uma linha de raciocínio.

Prototipagem

A gente geralmente relaciona protótipo a um produto praticamente finalizado, mas já em um estágio avançado, não é? Mas nem sempre é assim. Um protótipo é algo que permite a interação com o usuário. Assim, você não precisa de grandes orçamentos ou materiais para chegar até o seu protótipo inicial. Pode ser algo simples, mas que vai gerar um resultado valioso para o processo. A finalidade aqui é testar rapidamente e perceber os possíveis erros de cara. Tudo isso com um custo baixo. O importante é perceber o quanto antes a visão dos usuários sobre o produto ou serviço que está sugerindo como solução.

É claro que essa etapa deve se adaptar à sua realidade: em agências, por exemplo, dá para utilizar uma ferramenta trial durante a prototipagem e, obtendo sucesso, partir para o investimento. Já um hardware, por exemplo, precisa de suas peças primordiais para que seja possível analisar seu desempenho na próxima fase.

Teste e iteração

Para realizar os testes do seu protótipo, exponha ele para o seu público. Muitas vezes esse projeto é algo simples, sem detalhes extremamente elaborados, já que trata-se da ideia inicial, correto?

Aproveite esse momento para entender as reações, as necessidades e expectativas do seu consumidor. Assim, com o feedback, dá para lapidar as ideias, repetir os processos, realizar melhorias e comprovar se o seu produto realmente poderá solucionar os problemas encontrados lá no começo.

E aí, desvendamos o Design Thinking para você? Conte para a gente como você pode aplicá-lo a partir de agora. Ah, e se você tem algum case legal, fale também!

Receba o selo azul no Instagram e tenha sua conta autenticada

Conta verificada no Instagram: saiba como ter a sua

1920 1080 Marcela Lisbôa

Você provavelmente já se deparou com contas oficiais no Instagram, que possuem o famoso selo azul de verificação, mas que ninguém sabia ao certo como conquistá-lo. Mas agora, a começar pelos dispositivos iOS, qualquer usuário ou empresa pode solicitar uma conta verificada no Instagram.

Esse processo inclui diversas etapas e passa pela validação do próprio Instagram antes de ser concluído. Primeiramente, o usuário precisa comprovar a sua autenticidade por meio de um documento oficial, como RG, passaporte ou habilitação. Depois disso, a rede social analisa fatores como influência e exclusividade para decidir se a conta receberá ou não o selo azul, ou seja, será uma conta verificada.

Solicitando a conta verificada no Instagram

Nós já solicitamos a verificação de conta dos nossos clientes e, enquanto aguardamos a liberação do Instagram, vamos te explicar como pedir a sua também:

  • Abra o app e acesse o seu perfil
  • Clique no menu superior, indicado por três risquinhos
  • Acesse as configurações, no ícone de engrenagem
  • Selecione a opção “Solicitar verificação”, localizada abaixo de “Idiomas”

Tudo bem até aqui, né?

Então é hora de enviar o seu documento para autenticação. Digite o seu nome de forma correta e completa no campo solicitado e anexe a imagem do documento. Se você quiser autenticar a conta da sua empresa, precisa redobrar a atenção nesta parte: no campo de nome, insira a razão social da empresa e anexe um arquivo contendo um dos seguintes documentos: cartão CNPJ, contrato social ou inscrição estadual ou municipal.

Depois disso, é só aguardar uma notificação do Instagram informando se a sua conta foi ou não autenticada.

Se não der certo, você pode tentar novamente após 30 dias, já que, por enquanto, não há um número limite de tentativas.

Enquanto isso, vale seguir boas práticas da rede social para facilitar e contribuir com a sua verificação. Olha só essas dicas:

Boas práticas no Instagram

  • Mantenha seu perfil atualizado, com informações e link na bio que realmente falem sobre você
  • Evite publicar imagens e vídeos que não são de sua autoria
  • Não utilize ferramentas de automação para conseguir seguidores ou curtidas e nem para fazer comentários repetitivos em diferentes posts por aí
  • Não produza spam
  • Não publique conteúdos ofensivos, ilegais ou com nudez explícita

Ah! E lembre-se de manter o seu app atualizado para encontrar a opção de verificação de conta. Caso ela não apareça para você, é possível que o seu sistema ou modelo de celular ainda não tenham recebido essa permissão do Instagram. Aí você terá mesmo que esperar para que o recurso esteja disponível para todos, o que deve acontecer em breve.

Quer gerenciar seu Instagram de uma maneira profissional? Então entre em contato com a gente!

SSL: saiba tudo sobre segurança de navegação!

1920 1080 Marcela Lisbôa

Lembra quando conversamos, aqui no blog, sobre a importância do HTTPS? Se você não se lembra, é bom dar uma olhadinha antes de começarmos por aqui. Afinal, hoje vamos esbarrar nele para falar sobre o SSL (Secure Socket Layer).

O certificado SSL é o grande responsável pelo funcionamento do HTTPS, oferecendo a proteção dos dados do usuário dentro de um site.

Atualmente, o Google passou a considerar o uso do certificado como um dos principais fatores de ranqueamento com base em SEO. Então, sites sem essa tecnologia perdem relevância para o buscador, o que torna difícil alcançar um bom posicionamento orgânico.

Não é para menos! A função do SSL é impedir que usuários mal-intencionados roubem informações confidenciais daqueles que acessam o seu site. Deste modo, a troca de informações que rola entre o site e o usuário é criptografada, tornando a navegação muito mais segura e confiável.

Temos exemplos muito claros: os e-commerces e sistemas bancários utilizam essa tecnologia há muito tempo, por conta das transações financeiras online. Tá vendo como é muito importante ter o SSL?

Como identificar sites seguros?

É fácil identificar um site com o certificado: no navegador Google Chrome, por exemplo, basta olhar para a barra de endereços no navegador e verificar se existe um cadeado verde antes do link do site. Se houver, quer dizer que você está em uma navegação segura, com certificação SSL.

Mas e se o site não apresentar o cadeado verde? Bom, aí você deve ter consciência de que seus dados podem não estar seguros ali. Se o site for seu, é hora de garantir o SSL para não prejudicar seu desempenho no Google e proteger os dados dos visitantes, certificando a autenticidade do seu site.

Como instalar o certificado SSL?

Você deve adquirir o certificado SSL efetuando uma compra. Como há diversas especificações do certificado, o valor varia de acordo com a necessidade do site. Mas há três tipos principais:

  • Validação do Domínio: com nível de segurança e criptografia básicos, ele valida a confiabilidade do domínio. Tem custo mais acessível.
  • Validação da Organização: de nível intermediário, valida também as informações da organização, isto é, da dona do domínio. Essa validação é muito indicada para e-commerces, por exemplo.
  • Validação Estendida: certificação mais completa e que oferece o maior nível de segurança. Ela é indicada para grandes empresas.

Além disso, é importante saber que o certificado precisa ser renovado periodicamente, com um novo pagamento.

Depois de comprar o certificado SSL, é hora de instalá-lo em seu site. O ideal é solicitar ao seu desenvolvedor para que a instalação seja realizada de forma correta.

Nós já instalamos o SSL em muitos dos sites que a Prod gerencia e incentivamos nossos clientes a investirem no certificado. O Mira Serra é um deles: https://www.hotelmiraserra.com.br/

Teste a otimização do seu site com o PageSpeed

1920 1080 Marcela Lisbôa

Quando você acessa um site e ele demora para carregar, você espera ou desiste? Desistir é o comportamento de muitos usuários. No mobile, metade dos visitantes desistem durante o carregamento. Então, para garantir que as pessoas acessem seu site, ele precisa ser o mais rápido e leve possível.

Aliás, não é somente o número de acessos que sofre com um site lento. O ranqueamento do site nos buscadores, a experiência do usuário e as suas conversões são influenciadas negativamente. Ou seja, você tem razões de sobra para considerar a velocidade do seu site como um ponto de melhoria! Pensando nisso, separamos duas ferramentas para te indicar:

PageSpeed

Identificar a velocidade de carregamento é o primeiro passo. Para isso, você pode usar a ferramenta PageSpeed Insights, do Google. Ela fará uma avaliação da otimização do seu site de 0 a 100, tanto para desk como para mobile. Aí, é só considerar as alterações que a ferramenta irá te sugerir.

Test My Site

Outra ferramenta superinteligente do Google é a Test My Site, do Think With Google, que confere como está a sua velocidade de carregamento somente em dispositivos móveis e até te mostra a porcentagem de quantos visitantes você pode perder com a lentidão do seu site. Você ainda pode receber um relatório completo por e-mail.

A gente adota algumas práticas para todos os sites que desenvolvemos, já pensando na otimização. Além disso, ainda seguimos as diretrizes do Google. Mas, você pode sempre ficar de olho em coisas como:

  • Compactação de imagens
  • Uso do cache do navegador
  • Tamanho do HTML
  • Ferramentas adicionais, como o AMP

Foi pensando em pontos assim que conseguimos garantir a pontuação 100 com o site da Pousada do Verde:

 

A otimização do seu site pode depender de diferentes fatores, por isso, se quiser tirar dúvidas, pode contar com a gente!